Imóveis do banco: Onde encontrar e vantagens no crédito habitação

imóveis do banco

Os imóveis do banco são, como é de fácil perceção, imóveis cujo proprietário é uma instituição bancária. Quando alguém faz um crédito à habitação é normal que o imóvel em si seja dado como garantia de pagamento. Isto significa que, em caso de incumprimento, o banco tem em seu poder a hipoteca da casa, e pode penhorá-la se as condições para tal se reunirem.

Porém, não é só nos créditos à habitação que isto acontece: noutro tipo de financiamentos também podem ser aceites casas, apartamentos, terrenos ou similares como garantia de uma liquidação bem sucedida. Após a conclusão da penhora, as instituições bancárias tornam-se então legítimas proprietárias dos imóveis em questão.

Contudo, os bancos não têm qualquer tipo de interesse em manter em carteira este tipo de bens: o que pretendem é transformá-los em dinheiro com vista ao mesmo ser usado para liquidar a dívida que ficou pendente. Assim, os imóveis penhorados acabam, mais cedo ou mais tarde, por serem colocados à venda no mercado, e muitas vezes com vantagens a si associadas.

Quais as vantagens dos imóveis do banco?

Por norma, quando ouvimos a expressão “imóvel do banco” o nosso cérebro associa automaticamente a “oportunidade” ou “preço baixo”. Infelizmente, nem sempre é isso que se verifica.

Uma carteira cheia de imóveis não é atrativa. O interesse dos bancos é a liquidez financeira, por isso convém que realizem vendas rápidas. A melhor forma disso acontecer é colocar tais bens à venda abaixo do preço de mercado, o que naturalmente vai atrair mais compradores, de uma forma mais célere. Muito comuns neste tipo de vendas são ainda os leilões através de propostas em carta fechada, que culminam, não raras vezes, em negócios vantajosos para o comprador.

Poderá ter interesse:  Amortizar o Crédito à Habitação ou investir em Certificados de Aforro?

Em certas ocasiões as instituições bancárias apenas querem recuperar o valor em dívida, logo não se importam que a venda ocorra abaixo do valor justo, já que nada têm a perder. Porém, nem sempre é isso que acontece: se a necessidade de liquidez não for urgente, o mais certo é os imóveis de banca serem vendidos ao preço de mercado.

Outra vantagem diz respeito à possibilidade de se conseguir financiamento a 100% neste tipo de imóveis. Nem sempre isso acontece, mas não é impossível. As regras atuais do Banco de Portugal impedem os bancos de emprestarem a totalidade do valor de um imóvel, contudo existe uma exceção para imóveis detidos por instituições financeiras. Além disso, os custos no dia da escritura são mais reduzidos, uma vez que as comissões são mais reduzidas ou até inexistentes e, por exemplo, o imóvel não precisa de ser avaliado – já o foi anteriormente.

Onde encontrar imóveis dos bancos?

Dada a sua natureza, estas propriedades dificilmente vão parar aos sites e agências imobiliárias comuns. Para as encontrar deve procurar nos próprios balcões dos bancos, em sites especializados apenas em imóveis de banca, ou em sites imobiliários pertencentes exclusivamente às instituições financeiras, como por exemplo os seguintes:

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *